Apelo à Ênfase

(Falácia do Acento Impróprio)

Ocorre quando a sentença é direcionada a uma conclusão inadequada por força de uma acentuação tendenciosa ou incomum de uma palavra ou frase.

Um estudande diz a seus colegas:
"Sempre vejo o prof. Roberto, mas nunca com sua mulher."

A ênfase no final da frase é falaciosa, pois quer deixar implícito que o estudante viu o prof. Roberto com outra mulher que não sua esposa, embora ele esteja querendo dizer que nunca viu o prof. Roberto acompanhado.

Alguns órgãos da imprensa, na tentativa de causar um maior impacto com a manchete de seus jornais, frequentemente cometem a falácia do Acento Impróprio. Suponha, por exemplo, que o Presidente da República tenha assinado um memorando, distribuído a todos os ministérios e secretarias do governo, exaltando a todos a manter uma postura de contratação de pessoas totalmente isenta e imparcial, evitando cometer erros de discriminação cintra minorias como negros, homossexuais, etc.
Veja como isso poderia ser noticiado de maneira falaciosa:

"Governo emite comunicado privilegiando homossexuais."

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License